Basílica

23.09
Bispo de Registro/SP preside Missa na Festa de São Miguel Arcanjo
Bispo de Registro/SP preside Missa na Festa de São Miguel Arcanjo

A Santa Missa presidida pelo bispo da Diocese de Registro/SP, dom Manoel Ferreira dos Santos Junior, marcou o terceiro dia de celebrações em louvor ao Arcanjo Miguel, na Basílica de São Miguel Arcanjo, neste sábado, 22.

O reitor da Basílica, padre Márcio Almeida, concelebrou a Missa, ao lado do vigário paroquial, padre Diogo Fogaça, e dos diáconos José Antônio de Góes e Carlinhos.

Com São Miguel, o bem sempre deve vencer

“Estamos em tempo de Novena, tempo bonito em que nós somos chamados a fazer experiências profundas com Deus através dos nossos irmãos, da comunidade e da Igreja”. Com estas palavras, dom Manoel Ferreira iniciou a homilia.

Durante sua reflexão, o bispo destacou a devoção ao príncipe da milícia celeste, que impele à luta contra o mal. “Devemos crescer na devoção a São Miguel, na espiritualidade que São Miguel nos ensina e nos orienta. Eu sou devoto de São Miguel, eu acredito na espiritualidade que nasce de São Miguel, porque São Miguel representa a luta contra o mal. E todos nós somos chamados a essa luta. Nós também devemos colaborar para que o bem seja maior. (...) Se nós, devotos de São Miguel, alimentarmos a nossa vida na luta contra o mal para praticarmos o bem, o bem sempre deve vencer”, declarou.

O semeador, a semente e a terra

Inspirando-se na parábola do semeador, destacada no Evangelho do dia, dom Manoel Ferreira exortou os fiéis a acolher a Palavra de Deus. “O semeador é sempre generoso, Ele semeia (...) o bem no coração de todas as pessoas. (...) A semente é sempre boa também. Se o semeador é generoso, Ele semeia a semente boa, que é a Palavra de Deus, semeada na vida de todos nós. E essa Palavra é semeada na terra. Aí é que está o problema: às vezes, a terra não está preparada; às vezes, a terra não está boa para receber a Palavra de Deus”, explicou.

Em seguida­, o bispo frisou como é precioso viver à luz da Palavra de Deus. “Por fim, encontramos aqueles que recebem a Palavra, têm um coração generoso, a terra está boa, preparada, e a Palavra produz muitos frutos na vida de todos nós. (...) Com a Palavra de Deus, nos tornamos mais santos e mais fortes. (...) E, mesmo que a terra não esteja tao boa, tão preparada, mesmo que nós não percebamos o germinar da semente da Palavra dentro de nós, Deus, na sua infinita bondade, infinita misericórdia, vai fazendo com que essa Palavra vá dando frutos e crescendo em nós”.

“Que nós sejamos anunciadores generosos [da Palavra] para todos os nossos irmãos. E que, pela força de São Miguel, nós busquemos fazer o bem e trabalhar por aquilo que é bom”, concluiu dom Manoel Ferreira.

Saudações e Imagens Peregrinas

Ao final da celebração, padre Márcio saudou, com uma salva de palmas, romeiros vindos de diversos municípios paulistas, como Ilha Comprida, Tatuí, Sorocaba, Votorantim, Osasco, Capão Bonito, Pilar do Sul, Itapetininga, Buri, Sarapuí e Porto Feliz, além da cidade mineira de Florestas.

A exemplo dos dias anteriores, devotos sorteados levaram para casa as Imagens Peregrinas de São Miguel Arcanjo, em uma visita especial e repleta de devoção.

Crédito: Daniele Castro/AMEX

Informativos